Bolsas

Câmbio

PT não analisará mérito do projeto da dívida de Moçambique e Venezuela, diz líder

Igor Gadelha

Brasília

O líder do PT na Câmara, deputado Paulo Pimenta (RS), afirmou nesta quarta-feira, 2, que o partido seguirá em obstrução e, por isso, nem sequer vai analisar o mérito do projeto de lei do Congresso enviado pelo governo abrindo crédito suplementar de R$ 1,3 bilhão para honrar dívidas com os bancos Credit Suisse e BNDES de dívidas não honradas pela Venezuela e Moçambique.

"Não vamos sair da obstrução enquanto não tivermos uma resposta da Justiça (em relação à prisão do ex-presidente Lula)ou for marcada data de julgamento da ADI (Ação Direta de Inconstitucionalidade sobre prisão após condenação em segunda instância). Portanto, não vamos sequer analisar o mérito do projeto", afirmou o parlamentar gaúcho, em entrevista coletiva.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos