Bolsas

Câmbio

BC da Argentina eleva a taxa básica de juros de 30,25% a 33,25%

Gabriel Bueno da Costa

São Paulo

O Banco Central da Argentina elevou nesta quinta-feira sua taxa básica de juros de 30,25% a 33,25%. A decisão ocorre dias após a instituição ter subido a taxa na última sexta-feira também em 3 pontos porcentuais, com o objetivo de frear um quadro de maior demanda por dólares e desvalorização do peso.

Os duas altas de 3 pontos porcentuais foram realizadas sem uma reunião de política monetária prevista no cronograma do BC. Mais cedo, a instituição vendeu dólares, mas a moeda americana continuava a se valorizar.

O movimento cambial na Argentina é atribuído em parte ao quadro internacional, com a elevação gradual dos juros nos Estados Unidos, mas também a desequilíbrios da economia nacional, em um quadro de alta inflação. Nos últimos dias, o BC tem atuado bastante no mercado cambial, vendendo dólares, mas ainda sem conseguir frear o movimento de enfraquecimento do peso.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos