Bolsas

Câmbio

Inflação do Chile avança 1,0% em março, na comparação anual, abaixo da previsão

São Paulo

O índice de preços ao consumidor (IPC) do Chile desacelerou para 1,0% em abril, na comparação com igual mês do ano passado, informou nesta terça-feira o Instituto Nacional de Estatísticas do país. O resultado ficou abaixo do esperado por analistas da Trading Economics, que previam alta de 2,2%. Em março, a alta anual havia sido de 1,8%

Na comparação mensal, entretanto, a pressão inflacionária acelerou para 0,3%, acima do esperado de 0,24%. Em março, a alta em relação ao mês anterior foi de 0,2%.

De acordo com o INE, nove dos 12 setores que formam o IPC apresentaram alta, com Serviços Básicos, Alimentos e Bebidas Não Alcoólicas e Saúde apontando os maiores avanços. Na contramão, os setores de Vestuário e Calçados e de Recreação e Cultura tiveram queda. (Flavia Alemi - flavia.alemi@estadao.com)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos