ipca
-0,21 Nov.2018
selic
6,5 31.Out.2018
Topo

Quando alguns tentam parar o Brasil, governo exerce autoridade, diz Temer

São Paulo

29/05/2018 11h38

O presidente da República, Michel Temer, aproveitou uma plateia de empresários e investidores brasileiros e estrangeiros para se defender das críticas sobre a condução da crise dos combustíveis e mandar um recado aos caminhoneiros. No discurso de abertura do Fórum de Investimentos Brasil 2018, realizado na capital paulista, o presidente disse que o desempenho do governo no decorrer do último ano demonstrou que o "diálogo" tornou-se "a marca" da gestão.

"Enfrentamos uma oposição aguerrida. Mas respondemos com a força do argumento, o poder do diálogo. Diálogo é a marca do nosso governo. Diálogo é da própria essência da boa política e da democracia. Aliás, é sua fortaleza", afirmou Temer, voltando-se então para os grupos que lideraram a paralisação desta semana. "Aliás, quando alguns rejeitam o diálogo e tentam parar o Brasil, nós exercemos autoridade."

Mesmo depois de ter passado por diversas tentativas frustradas de estancar a greve nos últimos dias, Temer afirmou que alguns confundem "vocação para o diálogo" com "leniência".

E encampou o discurso de que as negociações foram bem-sucedidas: "A todos explicamos a proposta do governo e de todos - vejam como é importante o dialogo - colhemos ponderações e sugestões. Para nos, governar é isso", afirmou o presidente. "Colocando a política a serviço do progresso aprovamos medidas esperadas há décadas e recuperamos a confiança no nosso País."

Logo antes, ao se referir aos desafios enfrentados pelo governo desde que tomou posse, Temer disse que o otimismo dos estrangeiros em relação ao Brasil deveria servir de exemplo aos próprios brasileiros. E classificou os problemas enfrentados por seu governo como "naturais".

Segundo o presidente, seu governo conseguiu devolver ao Brasil o crescimento sustentável.

Mais Economia