Bolsas

Câmbio

Alckmin poupa Parente e defende 'trabalho de recuperação da Petrobras'

Daniel Weterman

São Paulo

Pré-candidato à Presidência da República pelo PSDB, o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin poupou Pedro Parente, filiado ao seu partido, de críticas ao falar sobre a demissão do executivo da presidência da Petrobras, nesta sexta-feira, 1º.

Pelas redes sociais, Alckmin afirmou que não se pode "desperdiçar" o trabalho de Parente à frente da estatal. "Com a saída de Pedro Parente, o importante nesse momento é não desperdiçar o trabalho de recuperação da Petrobras", diz a nota do tucano.

O presidenciável defendeu a discussão sobre uma política de preços de combustíveis que "preservando a empresa, proteja os consumidores."

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos