Bolsas

Câmbio

Greve foi encerrada 'sem que gerasse um incidente qualquer', diz Temer

Julia Lindner e Gustavo Porto, enviado especial

Brasília

O presidente da República, Michel Temer, voltou a defender a atuação do governo durante a greve dos caminhoneiros e disse que a paralisação foi encerrada "sem que gerasse um incidente qualquer". Segundo ele, o incidente foi "desejado" por muitos que tentaram fazer da greve um movimento político.

"A palavra diálogo é um dos pontos centrais do nosso governo. Não foi sem razão que, sem embargo de uma ou outra observação crítica, conseguimos, depois de dez dias de uma greve preocupante, usando ao mesmo tempo diálogo e autoridade, conseguimos encontrar uma solução que não gerasse um incidente qualquer", afirmou Temer.

O presidente discursou durante cerimônia de lançamento do Plano Agrícola e Pecuário 2018/2019, que colocará R$ 194,3 bilhões à disposição dos produtores. Desse total, R$ 191 bilhões serão de crédito para custeio e investimento. O restante será usado para programas de comercialização (2,6 bilhões) e seguro rural (R$ 600 milhões).

Temer disse que a agricultura virou sinônimo de "eficiência e segurança alimentar" no País e destacou que o progresso do agronegócio "segue com pleno respeito à natureza".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos