Bolsas

Câmbio

No Twitter, Trump reclama de "preços altos" do petróleo

Sergio Caldas

São Paulo

O presidente dos EUA, Donald Trump, reclamou hoje que os preços do petróleo "estão muito altos".

"A Opep está aprontando de novo. Isso não é bom!", disse Trump em sua conta oficial no Twitter, referindo-se à Organização dos Países Exportadores de Petróleo.

Por um acordo que está em vigor desde o começo do ano passado, a Opep e dez grandes produtores que não integram o cartel têm buscado reduzir sua produção combinada em cerca de 1,8 milhão de barris por dia, numa tentativa de conter um excesso de oferta que vinha pesando nas cotações do petróleo desde 2014. O pacto, que ajudou a impulsionar os preços do petróleo em mais de 40%, deverá expirar no fim de 2018.

Em reunião marcada para o próximo dia 22, em Viena, a Opep e aliados irão discutir o acordo. Recentemente, autoridades sauditas e russas sinalizaram o desejo de encerrar o pacto antes do previsto, diante de ameaças à oferta da Venezuela e do Irã.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos