ipca
-0,21 Nov.2018
selic
6,5 31.Out.2018
Topo

Ministro da Itália confirma que país pretende reduzir déficit gradualmente

Milão

03/10/2018 09h10

O ministro da Economia da Itália, Giovanni Tria, confirmou nesta quarta-feira que o governo pretende reduzir gradualmente a relação entre o déficit orçamentário e o Produto Interno Bruto (PIB) do país. Isso confirma a notícia publicada anteriormente pelo Corriere della Sera de que o déficit orçamentário de 2,4% do PIB previsto para 2019 deve ser gradualmente cortado em 2020 e 2021.

No fim da terça-feira, o escritório do premiê Giuseppe Conte divulgou nota dizendo que as autoridades trabalham numa proposta que iria "acelerar o declínio da relação dívida/PIB ao longo de três anos". O governo busca aparentemente tranquilizar os mercados financeiros, onde investidores preocupam-se com a alta nos gastos públicos, que atrapalharia os esforços de redução da dívida.

O governo da Itália prometeu na eleição oferecer uma renda mínima aos que buscam empregos no país, além de descartar uma impopular reforma previdenciária e ainda cortar impostos. Os gastos extras, porém, elevariam o déficit a níveis superiores aos buscados por Tria. O ministro defendeu que o país busque um "crescimento vigoroso", acrescentando que os investimentos são parte crucial disso. Fonte: Associated Press.

Mais Economia