Topo

'Se Natal gerar alta de 4% a 5% na venda será bom', diz presidente do Carrefour

Dayanne Sousa

São Paulo

03/12/2018 14h52

O presidente do Carrefour Brasil, Noël Prioux, considerou que há elementos mais favoráveis para as vendas de Natal este ano em relação a 2017 e considerou que um crescimento em dezembro da ordem de "4% a 5%" nas vendas nominais "seria bom".

Prioux afirmou que este ano os hipermercados do grupo estão preparados para vender itens presenteáveis, como vinhos ou itens de perfumaria mais sofisticados. Essa não havia sido a estratégia no ano passado, declarou. Além disso, pesa a favor para o setor o fato de que o Natal do ano passado ocorreu no meio de um período de deflação de alimentos e, agora, o fim desse ciclo de queda de preços ajuda a receita e a diluição de custos do varejo alimentar.

Mais Economia