IPCA
-0.04 Set.2019
Topo

Reforma da Previdência


Rolim: seria importante volta de gatilhos demográficos, via PEC paralela

Leonardo Rolim, secretário de Previdência do Ministério da Economia - Leonardo Prado/Câmara dos Deputados
Leonardo Rolim, secretário de Previdência do Ministério da Economia Imagem: Leonardo Prado/Câmara dos Deputados

Thaís Barcellos e Marcio Rodrigues

08/08/2019 09h44

Depois da aprovação final da reforma da Previdência na Câmara dos Deputados, o secretário de Previdência do Ministério da Economia, Leonardo Rolim, afirmou, em entrevista à GloboNews, que um ponto que o governo considera importante de ser reinserido na reforma da Previdência é o gatilho demográfico. Assim, a idade mínima para aposentadoria seria ajustada assim que houver aumento na expectativa de vida da população brasileira.

Da mesma forma que os estados e municípios, esse ponto seria reintroduzido por uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) paralela, que tramitaria simultaneamente ao texto principal no Senado. Depois, o projeto principal iria para promulgação e a PEC paralela iria para a Câmara.

"Se for de interesse dos senadores, se entenderem que é viável, seria interessante a volta do gatilho demográfico", disse, depois de explicar que o que está acordado é que o texto que foi aprovado na Câmara não vai ser alterado no Senado.

Rolim também disse que o governo não desistiu da capitalização, mas que ainda não há estratégia de como será retomado esse ponto. "Para termos uma Previdência equilibrada precisamos de capitalização."

O secretário ainda avaliou que o poder das corporações diminuiu bastante nesse processo de tramitação da reforma da Previdência. "Nunca vi as corporações com tão pouca força como nesta PEC."

Mais Reforma da Previdência