PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

China pede a bancos que usem novas taxas de juros de referência

Pequim

27/08/2019 08h05

O Banco do Povo da China (PBoC, o BC chinês) pediu aos bancos do país que comecem a usar suas novas taxas de juros de referência para definir os custos de empréstimos de forma a baratear o crédito.

Presidente do PBoC, Yi Gang defendeu ontem, durante encontro com executivos de 26 bancos, que as instituições concedam mais recursos a pequenas empresas para fomentar novos condutores de crescimento pa ra a economia.

Recentemente, o PBoC adotou a chamada taxa principal de empréstimos (LPR, pela sigla em inglês) no lugar de taxas de juros de referência anteriores. A LPR de um ano para agosto foi estabelecida em 4,25% e a de cinco anos, em 4,85%, com base em preços submetidos por 18 bancos urbanos e rurais.

O PBoC vai atualizar as LPRs mensalmente, de acordo com preços fornecidos pelos bancos, para refletir os movimentos nos mercados.

Ainda no encontro, Yi disse que a reforma do sistema de juros chinês irá ajudar a reduzir os custos de financiamento das empresas e aprimorar a capacidade dos bancos de definir seus empréstimos. Fonte: Dow Jones Newswires.