PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Ministro diz que MP do Turismo busca baratear as viagens no país

O ministro Marcelo Álvaro Antônio, do Turismo, e o presidente Jair Bolsonaro - Marcos Corrêa-24.abr.2019/PR
O ministro Marcelo Álvaro Antônio, do Turismo, e o presidente Jair Bolsonaro Imagem: Marcos Corrêa-24.abr.2019/PR

Eduardo Rodrigues

Brasília

27/11/2019 15h25

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, avaliou hoje que a Medida Provisória 907/2019, chamada pelo governo de 'A Hora do Turismo', tem o objetivo de baratear as viagens no País e gerar empregos no setor.

"Muitas famílias planejam suas férias e descobrem que viajar para Buenos Aires ou Miami é mais barato do que fazer turismo doméstico", afirmou o ministro durante coletiva de imprensa para falar sobre a MP.

Dentre os dispositivos, a MP isenta os hotéis do pagamento ao Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (Ecad) de direitos autorais por músicas executadas em quartos de estabelecimentos, o que foi criticado pela classe artística.

Também aumenta de forma gradual o imposto de renda incidente sobre remessas de dinheiro ao exterior para gastos em viagens internacionais e passa a tributar os contratos de leasing de aeronaves e motores.

Além disso, a MP reestrutura a Embratur, que passa a ter formato de agência, com autonomia e orçamento próprio.