PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Freitas: programa para área de cabotagem deve ser lançado até início de março

Cristian Favaro

Santos

29/01/2020 16h12

O programa BR do Mar, do governo federal para incentivar o setor de cabotagem, deve ser apresentado oficialmente até o início de março, afirmou o ministro de Infraestrutura, Tarcísio de Freitas.

"O programa está em estágio adiantado. Fechamos os últimos pontos com o ministério da Economia, falei com Guedes (Paulo Guedes, ministro). Devemos lançar no final de fevereiro, no máximo até o início de março". O ministro, assim como integrantes da pasta, participaram nesta quarta-feira, 29, da cerimônia de assinatura do contrato de concessão do terminal STS20, no Porto de Santos, com o consórcio Hidrovias do Brasil S/A.

Sobre a privatização do porto de Santos, o ministro afirmou que o processo está caminhando bem. "Estamos estudando o melhor modelo para geração de valor", disse. "A gente deve fechar todas as tratativas para contratação com o BNDES. De março a abril devemos ter a consultoria contratada e vamos iniciar os estudos", afirmou.

Ponte

Na ocasião, o ministro também foi questionado sobre as disputas envolvendo o setor portuário e o governo de São Paulo para a ligação seca entre Santos e Guarujá. A equipe do governador João Doria defende uma ponte, ao passo que integrantes do setor querem um túnel e temem impactos negativos para o porto ante um obstáculo no canal.

"A ponte é questão que vai ser conduzida com cuidado e diálogo. É óbvio que há um contexto de melhorar mobilidade, mas a gente não pode prejudicar operação portuária. É complicado ter uma ponte em área de manobra", afirmou o ministro. Freitas ponderou que o diálogo com o governo de São Paulo está aberto.

"A maior licitação desse ano vai ser o terminal da Transpetro. A gente quer operar com navios maiores. Com o BR do Mar, Santos vai ser o principal hub da América Latina para contêineres", disse.

PUBLICIDADE