PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Doria convocou instituições financeiras para manter crédito, diz Meirelles

Gabriel Caldeira, Pedro Caramuru e Elizabeth Lopes

São Paulo

25/03/2020 14h30

O secretário da Fazenda de São Paulo, Henrique Meirelles, informou que, em meio á crise econômica provocada pelo novo coronavírus, o governador do Estado, João Doria (PSDB), convocou uma reunião com as instituições financeiras que atuam em SP para discutir a manutenção do crédito dado às micro, médias, e pequenas empresas, que segundo Meirelles, são as maiores empregadoras do País.

Meirelles afirmou que, além da manutenção do crédito, o governo de São Paulo irá pedir aos bancos que mantenham agências centrais abertas e seus sistemas digitais funcionando, de forma a continuar atendendo a população do Estado.

O ex-presidente do Banco Central ainda disse que a economia de São Paulo não irá parar durante o confinamento, mesmo com a iminente queda do Produto Interno Bruto (PIB) do segundo trimestre de 2020, que Meirelles prevê ser de cerca de 10%.

Segundo ele, o que vai ajudar a economia de São Paulo a continuar circulando são as atividades industriais, que não devem cessar.

"Temos que manter o sistema produtivo intacto. Ainda que com queda da produção, que seja temporário. Temos que manter o sistema equipado e preservado para a retomada", falou o secretário.