PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Boa Vista: 57% das MPMEs tiveram redução acima de 40% no fluxo de caixa

Gabriel Caldeira

São Paulo

26/06/2020 12h03

Levantamento realizado pela Boa Vista com 354 empresários dos setores da indústria e do comércio constatou que 57% das micro, pequenas e médias empresas (MPMEs) tiveram perdas maiores que 40% no fluxo de caixa por causa da pandemia do novo coronavírus. A pesquisa ainda indica que 66% dessas empresas tiveram quedas de ao menos 41% nas vendas, enquanto pouco menos da metade (49%) teve diminuição de 41% ou mais nos recebimentos dos clientes.

Apenas 26% dos empresários ouvidos pela Boa Vista esperam que a situação de seus negócios melhore ao final dos próximos três meses, considerando vendas, recebimentos e pagamentos; 34% dos entrevistados preveem estabilidade neste período e 40% acreditam numa piora. Segundo a maioria deles, a conquista de novos clientes (57%) seria um dos fatores que ajudariam a recuperar o negócio. Os empresários ainda citaram a saída da inadimplência (43%) e a ampliação da atuação no mercado (39%) como formas de auxiliar suas empresas.

Destacam-se também o acesso a outros canais de venda por meio de parcerias e e-commerce, com 13% das menções, igual porcentagem às citações a outros canais para pagamentos e links de pagamentos; 10% dos empresários ainda citaram a possibilidade de garantir entregas através de empresas de logística como forma de ajudar os negócios.

Em média, cada entrevistado apontou três necessidades que, se realizadas, auxiliariam suas empresas: 71% deles consideram parcerias importantes para pagamentos e recebimentos online; já para as vendas online, 55% acreditam que as parcerias importam, enquanto 40% dizem o mesmo para entregas de mercadoria.