PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Para Casa Branca, todos os sinais apontam para recuperação da economia em 'V'

André Marinho

São Paulo

20/08/2020 11h16

Apesar da alta no número de pedidos de auxílio-desemprego ter surpreendido negativamente, o diretor do Conselho Econômico da Casa Branca, Larry Kudlow, ainda estima que o Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos crescerá 20% no segundo semestre de 2020. "Todos os sinais apontam para uma recuperação em formato de 'V'", afirmou, em entrevista à Fox Bussiness.

Kudlow admitiu que o coronavírus ainda representa um risco para a atividade econômica americana, mas citou uma série de indicadores que apontam para a melhora no varejo, na indústria e no mercado imobiliário. "Os números de maio, junho e julho têm sido espetaculares", caracterizou.

Sobre novos estímulos fiscais, o diretor destacou que o governo quer repassar recursos para escolas e para os correios, além de garantir benefício adicional a desempregados.

No entanto, ele ponderou que não pretende concordar com a proposta dos democratas de um pacote de US$ 3,5 trilhões. "Isso não vai acontecer", disse.