PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Fed concluiu que é importante deixar mercado de trabalho forte, diz Powell

Gabriel Bueno da Costa, Eduardo Gayer e Sergio Caldas

São Paulo

27/08/2020 11h59

O presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), Jerome Powell, disse que a instituição concluiu com clareza que é importante garantir que o mercado de trabalho dos Estados Unidos seja forte, mas ressaltou que determinar uma meta para o emprego não seria "sensato". Powell afirmou ainda, durante o simpósio de Jackson Hole, que a revisão da política monetária do Fed, que passará a considerar uma taxa de inflação média, foi consensual.

Ele reiterou também que ações futuras do Fed continuarão dependendo das perspectivas econômicas e do balanço de riscos e que o BC americano está disposto a usar toda a sua gama de ferramentas para apoiar a economia.

Ainda segundo Powell, a estratégia revisada do Fed enfatiza que o emprego pleno é uma meta abrangente.

Inflação

O presidente do Federal Reserve disse também que a mudança na postura da instituição com respeito à inflação não significa deixar a inflação excessivamente elevada nos Estados Unidos. "Estamos falando de aumentos moderados da inflação", acima da meta de 2%, comentou durante uma sessão de perguntas e respostas, após ter anunciado as mudanças na política em discurso.

Powell falou no simpósio de Jackson Hole, em edição virtual por causa da pandemia. Segundo ele, a inflação acima da meta não deve ser algo permanente, mesmo com as mudanças anunciadas.

O presidente do Fed destacou o trabalho da instituição, mas também ressaltou a importância do política fiscal para apoiar a economia, no quadro atual.

Na avaliação dele, os impactos da covid-19 "diminuíram" recentemente, embora Powell também tenha comentado sobre o impacto mais prolongado sobre alguns setores.