PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

EUA: Sem novo apoio fiscal, aéreas ameaçam demitir mais de 30 mil trabalhadores

As demissões podem começar amanhã - Divulgação
As demissões podem começar amanhã Imagem: Divulgação

Redação

Washington

30/09/2020 08h48

Sem novo apoio fiscal do Congresso, as companhias aéreas dos Estados Unidos podem demitir mais de 30 mil trabalhadores já amanhã, quando expiram os programas de proteção a empregos criados pelo Tesouro local. American Airlines e United Airlines devem ser responsáveis pela maior parte dos cortes.

Por isso, o setor e os sindicatos estão em um grande lobby junto aos legisladores para garantir uma nova rodada de auxílio. Os democratas da Câmara dos Representantes dos EUA incluíram mais de US$ 25 bilhões para as aéreas em seu pacote fiscal, anunciado na segunda-feira pela presidente da Casa, Nancy Pelosi. O fundo pode ser votado no Congresso ainda hoje.