PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

FMI: região da Ásia e Pacífico deve sofrer contração econômica de 2,2% em 2020

Sergio Caldas

São Paulo

22/10/2020 07h18

A região da Ásia e do Pacífico vai sofrer este ano uma contração econômica mais severa do que se pensava inicialmente, uma vez que vários mercados emergentes locais apresentaram forte desaceleração em meio ao combate da pandemia do novo coronavírus, segundo avaliação do Fundo Monetário Internacional (FMI). Em relatório econômico regional, o FMI prevê agora que o Produto Interno Bruto (PIB) da Ásia e do Pacífico terá queda de 2,2% em 2020. Em junho, a previsão do Fundo era de retração de 1,6%.

O FMI disse que a revisão se deve a "uma contração mais intensa, principalmente na Índia, nas Filipinas e na Malásia. Por outro lado, o fundo revisou para cima sua projeção de crescimento da China este ano, de 1% para 1,9%, em função de uma recuperação maior do que se esperava no segundo trimestre. Para 2021, o FMI elevou sua previsão de expansão econômica da Ásia e do Pacífico, de 6,6% para 6,9%.