PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Bolsonaro: taxa de juros foi baixando gradativamente com acertos na economia

06 nov. 2020 - Jair Bolsonaro (sem partido) participa de cerimônia de formatura de novos agentes da PRF em Florianópolis (SC) - Eduardo Valente/iShoot/Estadão Conteúdo
06 nov. 2020 - Jair Bolsonaro (sem partido) participa de cerimônia de formatura de novos agentes da PRF em Florianópolis (SC) Imagem: Eduardo Valente/iShoot/Estadão Conteúdo

Eduardo Gayer e Daniel Galvão

São Paulo

10/11/2020 19h41

O presidente Jair Bolsonaro atribuiu a queda da taxa básica de juros da economia, a Selic, a acertos de sua equipe econômica. "Não foi na canetada", disse o chefe do Planalto em transmissão ao vivo em suas redes sociais na noite de hoje.

A taxa Selic, hoje no piso histórico de 2%, é definida pelo Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central. No mais recente corte de juros básicos, anunciado em agosto, os integrantes do Copom citaram "incertezas" em relação à atividade econômica para justificar a medida.

Bolsonaro aproveitou a live para reiterar sua defesa do papel do auxílio emergencial durante a crise e para renovar críticas à política de isolamento social em meio à pandemia. O presidente fez a transmissão ao lado de Coronel Menezes (Patriota), candidato à Prefeitura de Manaus.