PUBLICIDADE
IPCA
1,35% Dez.2020
Topo

Alta de importação de arroz em novembro decorre de cota com taxa zero, diz subsecretário

Alta de importação de arroz em novembro decorre de cota com taxa zero, diz subsecretário -                                 FILIPE JORDãO/JC IMAGEM
Alta de importação de arroz em novembro decorre de cota com taxa zero, diz subsecretário Imagem: FILIPE JORDãO/JC IMAGEM

Eduardo Rodrigues

Brasília

01/12/2020 16h33

O subsecretário de Inteligência e Estatísticas de Comércio Exterior do Ministério da Economia, Herlon Brandão, confirmou nesta terça-feira, 1º, que o aumento da importação de arroz em novembro decorre da cota com taxa zero implementada pelo governo devido à alta do preço do produto no País.

Houve aumento de 759,0% na importação de arroz com casca em novembro, com origem nos Estados Unidos. O governo implementou em setembro uma cota de 400 mil toneladas com tarifa zero até o fim do ano.

"É muito difícil prever se o preço do arroz vai cair no mercado interno. Depende de variáveis como a produção nacional, o aumento ou redução do consumo e a existência de estoques", respondeu Brandão.

Também houve salto de 2.397,2% na importação de soja em novembro, principalmente do Mercosul. "Não é o primeiro ano que o Brasil importa soja, isso acontece. Os nossos países vizinhos são grandes produtores", completou.

Nos dois casos, os altos porcentuais de aumento se devem à base de comparação muito baixa na importação desses grãos. A balança comercial brasileira registrou superávit US$ 3,732 bilhões em novembro. No ano até o penúltimo mês, o saldo positivo é de US$ 51,160 bilhões.