PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

BoE alerta sobre risco de descontrole inflacionário na Inglaterra

Sugestão do Banco da Inglaterra é que autoridades monetárias reajam de forma mais assertiva - Shutterstock
Sugestão do Banco da Inglaterra é que autoridades monetárias reajam de forma mais assertiva Imagem: Shutterstock

André Marinho

São Paulo

26/02/2021 09h48

O economista-chefe do Banco da Inglaterra (BoE), Andy Haldane, alertou para o "risco tangível" de que uma postura complacente dos bancos centrais leve a uma "acentuada e sustentada" alta inflacionária e dificulte o controle dos preços. Durante evento virtual nesta sexta-feira, 26, o dirigente afirmou que esse quadro poderia forçar autoridades monetárias a agirem de forma mais assertiva do que se espera no momento.

"As pessoas estão certas em ter cautela sobre os riscos dos BCs agindo de forma muito conservadora, apertando a política prematuramente. Mas, para mim, o maior risco no presente é de complacência do banco central permitindo que o gato inflacionário saia do saco", ressaltou, citando uma expressão que trata de uma eventual descontrole da trajetória da inflação.

Haldane explicou que, até agora, pressões estruturais pesaram sobre o comportamento dos preços e conjecturou que uma recuperação mais lenta da economia poderiam intensificá-las. Nesse cenário, haveria chance de que nem o robusto volume de estímulos fiscais tivesse força para impulsionar a inflação. "Mas se as economias se recuperarem, enquanto o programa de vacinação é implementado, as medidas poderiam estimular demais a economia e, com ela, a inflação", ponderou.