PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Fed: teste anual de estresse mostra grandes bancos com níveis fortes de capital

Gabriel Bueno da Costa

São Paulo

24/06/2021 17h52

O Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) divulgou nesta quinta-feira os resultados de seu teste de estresse anual no setor bancário. O exercício "mostrou que os grandes bancos continuam a ter níveis fortes de capital e poderiam continuar a emprestar para famílias e empresas durante uma recessão severa", afirma o Fed em comunicado.

O Fed comenta que, ao longo do último ano, realizou três testes de estresse, com cenários diferentes de recessões hipotéticas. Todos têm confirmado que "o sistema bancário está posicionado fortemente para apoiar a recuperação em andamento", diz na nota Randal Quarles, vice-presidente para Supervisão do Fed.

O BC americano afirma que todos os 23 grandes bancos analisados ficaram "bem acima de suas exigências mínimas de capital baseadas em risco. Como apontado anteriormente pelo conselho do Fed, restrições adicionais impostas durante a pandemia da covid-19 serão revertidas adiante. Os bancos estarão então sujeitos às restrições normais de colchões de capital para eventuais estresses.

O cenário hipotético do teste atual inclui uma recessão global "severa", diz o Fed, com alta da taxa de desemprego para 10,75% e queda de 4% do PIB do quarto trimestre de 2020 até o terceiro trimestre de 2022, além de queda em preços de ativos e de 55% nos preços das ações.

Nesse cenário, os 23 bancos perderiam somados mais de US$ 470 bilhões, mas ainda assim seus níveis de capital recuariam a 10,6%, "ainda mais que o dobro da exigência mínima para eles", destaca o Fed.