PUBLICIDADE
IPCA
1,25 Out.2021
Topo

Bolsonaro: G20 é responsável por esforços adicionais na produção de vacinas

Eduardo Gayer

Brasília

30/10/2021 13h30

O presidente Jair Bolsonaro jogou no colo do G20 a responsabilidade por "esforços adicionais" na produção de vacinas contra a covid-19. Em discurso neste sábado durante a cúpula do grupo das vinte maiores economias do mundo, em Roma, o chefe do Executivo, criticado internacionalmente pela postura durante a pandemia, ainda cobrou empenho internacional no combate ao novo coronavírus.

"Para o Brasil, os esforços do G20 deveriam concentrar-se no combate à atual pandemia, que continua a assolar muitos países. Entendemos, portanto, caber ao G20 esforços adicionais pela produção de vacinas, medicamentos e tratamentos nos países em desenvolvimento", afirmou Bolsonaro durante a sessão "Economia e Saúde Global" do encontro.

Sem citar o atraso deliberado do governo para o início da vacinação contra o novo coronavírus no País, exposto pelas investigações da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, Bolsonaro disse que o Brasil se comprometeu com "um programa extensivo e eficiente de vacinação".

"Mais da metade da população nacional já está plenamente imunizada de forma voluntária. Mais de 94% da população adulta já recebeu pelo menos uma dose da vacina", disse o presidente aos colegas estrangeiros.

Bolsonaro está na cúpula do G20, em Roma, acompanhado pelos ministros Paulo Guedes (Economia), João Roma (Cidadania), Walter Braga Netto (Defesa) e Carlos França (Relações Exteriores).

PUBLICIDADE