PUBLICIDADE
IPCA
0,73 Dez.2021
Topo

Produção de petróleo nos EUA deve ultrapassar nível de antes da pandemia em 2023

São Paulo

11/01/2022 16h18

A Administração de Informação de Energia dos Estados Unidos (AIE) prevê que a produção de petróleo no país terá uma média de 12,4 milhões de barris por dia (bpd) durante 2023, superando o recorde para a produção doméstica de óleo bruto estabelecido em 2019. Em seu relatório de perspectivas de janeiro, a AIE, ligada ao Departamento de Energia dos EUA (DoE, na sigla em inglês), prevê que a produção de petróleo bruto dos EUA aumentará por nove trimestres consecutivos, do quarto trimestre de 2021 a 2023.

"Esperamos que a demanda global por produtos petrolíferos retorne e supere os níveis pré-pandemia neste ano, mas a produção de petróleo cresce a um ritmo mais rápido em nossas previsões", disse o administrador interino da AIE, Steve Nalley. "Esperamos que, à medida que a produção de óleo aumente, os estoques comecem a se reabastecer e ajudem a baixar os preços da gasolina, combustível de aviação e outros produtos no curto prazo", afirmou.

O relatório prevê que os estoques comerciais de petróleo dos EUA atingirão 465 milhões de barris no final de 2023, o que representa cerca de 11% a mais do que os estoques no final de 2021.

A AIE também espera que a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) aumente sua produção para 28,9 milhões de bpd em 2023, acima da média de 26,3 milhões em 2021.

Os preços do petróleo Brent atingiram a média de US$ 71 por barril em 2021, e o relatório prevê que as cotações terão uma média de US$ 75 em 2022 e US$ 68 em 2023.

Ainda assim, a AIE espera uma alta nos preços de varejo regulares da gasolina nos EUA na média anual, depois de ficarem em US$ 3,02 por galão em 2021, e devendo ter uma média de US$ 3,06 em 2022, e então uma queda a US$ 2,81 em 2023.

PUBLICIDADE