PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Auditores da Receita não aderem a protestos por reajuste salarial

18.jan.2022 - Servidores fazem paralisação por reajuste salarial, em Brasília - Weudson Ribeiro/UOL
18.jan.2022 - Servidores fazem paralisação por reajuste salarial, em Brasília Imagem: Weudson Ribeiro/UOL

Guilherme Pimenta

Brasília

18/01/2022 16h47

Os auditores da Receita Federal não aderiram aos atos desta terça-feira, 18. O Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado) não identificou bandeiras do Sindicato Nacional dos Auditores-Fiscais da Receita Federal (Sindifisco) tanto no ato da manhã, no Banco Central, quanto no ato da tarde, no Ministério da Economia. Além disso, ao contrário de outras categorias, também não houve manifestações de membros da entidade no carro de som.

Procurada, a entidade não esclareceu o motivo do não comparecimento dos membros do órgão ao ato.

Na segunda-feira, o Sindifisco disse que quem deveria se posicionar sobre a mobilização desta terça eram as entidades que representam os servidores públicos federais no geral.

"Sobre a paralisação marcada para amanhã do funcionalismo público federal, o Sindifisco Nacional considera que quem deve se posicionar oficialmente são o Fonacate e o Fonasefe, uma vez que o ato faz parte do conjunto dos servidores públicos. Ao mesmo tempo, reitera que o movimento dos auditores fiscais continua centrado na regulamentação de sua remuneração variável e na recomposição do orçamento da RFB", informou o Sindifisco na segunda-feira.