PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Sindicato diz que atraso no Focus se deve à operação padrão de servidores do BC

Sede do Banco Central, em Brasília - Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Sede do Banco Central, em Brasília Imagem: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Eduardo Rodrigues

Em Brasília

21/03/2022 08h55Atualizada em 21/03/2022 09h20

O presidente do Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central (Sinal), Fabio Faiad, disse na manhã nesta segunda-feira, 21, que o atraso na divulgação da Pesquisa Focus de hoje se deve à operação padrão dos servidores da instituição. O BC informou que o relatório, que normalmente é divulgado por volta de 8h25, só será publicado às 10h.

Os funcionários do BC farão uma nova assembleia na terça-feira (22) para deliberar sobre uma greve geral. A categoria quer um reajuste salarial de 26,3%, além da reestruturação da carreira de analistas.

O sindicato cobra uma reunião com o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, nos próximos dias. Os servidores também querem que o presidente do BC, Roberto Campos Neto, envie um ofício ao Ministério da Economia e ao presidente Jair Bolsonaro (PL) cobrando o reajuste.

O BC não confirmou a motivação do atraso na publicação da Focus e respondeu apenas que não fará comentários sobre o assunto. Estão marcadas para esta semana outras divulgações importantes, como a ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) nesta terça às 8h, e o Relatório Trimestral de Inflação (RTI) na quinta-feira (24) também às 8h.