PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Instituto corta projeção de crescimento da Alemanha para entre 2,2% e 3,1%

São Paulo

23/03/2022 13h27

O Instituto Ifo informou nesta quarta-feira em comunicado que revisou sua expectativa para o crescimento da Alemanha em 2022, para entre 2,2% e 3,1%, a depender do cenário. Em dezembro, a projeção era de um avanço de 3,7%. O órgão afirma que a guerra russa na Ucrânia desacelerará o crescimento da maior economia da Europa.

O Ifo traçou dois cenários possíveis. No cenário-base, deve haver problemas apenas temporários de aumento de preços de matérias-primas, gargalos na oferta e incerteza.

Já no "alternativo", o quadro inicialmente piora, antes de melhorar gradualmente a partir de meados do ano. Para 2023, o crescimento alemão deve ficar em 3,3% no cenário-base, mas seria de 3,9% no alternativo.

Segundo o instituto, a economia alemã recebeu o impacto de mais duas ondas de casos da covid-19, em 2021 e 2022, porém com consequências "significativamente menos severas" que em ondas anteriores da doença.

A escalada no conflito na Ucrânia, porém, piorou o quadro, com altas fortes nos preços de muitas matérias-primas e a inflação alta perdurando.

As sanções impostas contra a Rússia devem afetar o comércio e, consequentemente, a produção e a exportação de empresas alemãs, aponta o Ifo.

Devem ainda ser exacerbados gargalos na produção com o conflito, enquanto a incerteza "tem aumentado de modo significativo", cita o instituto.