PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

Nos EUA, índice de atividade industrial Empire State cai a -11,6 em maio

Nova York

16/05/2022 10h19

A atividade fabril no Estado de Nova York caiu em maio, revertendo uma recuperação em abril, puxada por uma contração na demanda regional por bens, mostraram dados do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) nova-iorquino nesta segunda-feira. O índice geral de atividade industrial Empire State caiu de 24,6 em abril a -11,6 em maio, bem abaixo da previsão de 16,5 dos economistas consultados pelo The Wall Street Journal.

O índice - que é baseado em uma pesquisa de empresas do setor manufatureiro na região - sinaliza uma contração da atividade fabril, uma vez que uma leitura abaixo de zero sugere que os negócios estão em declínio.

A demanda caiu acentuadamente em maio em comparação com abril, com o índice de novos pedidos caindo de +25,1 para -8,8, e o índice de embarques diminuindo de +34,5 para -15,4.

O índice de número de empregados aumentou de 7,3 para 14,0, sugerindo que as empresas manufatureiras continuaram a criar empregos durante o mês.

Os problemas na cadeia de suprimentos persistiram, mas mostraram alguns sinais de afrouxamento. O índice de prazos de entrega caiu ligeiramente de 21,8 para 20,2, e o índice de pedidos não atendidos caiu de 17,3 para 2,6.

As pressões inflacionárias também esfriaram um pouco, de acordo com a pesquisa. Depois de atingir um recorde da pesquisa em abril, o índice de preços pagos caiu de 86,4 para 73,6 e o índice de preços recebidos caiu de 49,1 para 45,6. No entanto, ambos os índices continuam a sugerir um aumento generalizado dos preços.

O otimismo entre os entrevistados sobre as perspectivas de curto prazo permaneceu moderado, com o índice para condições futuras de negócios aumentando ligeiramente de 15,2 para 18.