PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

Fonacate e Fonasefe convocam servidores federais para ato na Câmara amanhã

A Câmara dos Deputados será palco para um ato convocado pelo Fonacate e Fonasefe - Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados
A Câmara dos Deputados será palco para um ato convocado pelo Fonacate e Fonasefe Imagem: Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados

Thaís Barcellos

Brasília

30/05/2022 16h55

O Fórum Nacional Permanente de Carreiras Típicas de Estado (Fonacate) e o Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (Fonasefe) convocaram o funcionalismo público federal para um ato nesta terça-feira, 31, na Câmara dos Deputados. O protesto será em prol da recomposição salarial dos servidores e ocorrerá às 14 horas no auditório Nereu Ramos.

O presidente da Fonacate, Rudinei Marques, ressalta que está se aproximando a data limite para o governo apresentar a proposta de projeto de lei garantindo a recomposição salarial, ao menos parcial, dos servidores públicos federais, para que o PL produza efeitos a partir de julho.

"Chegamos nessa reta final da campanha salarial na mais completa indefinição por parte do Governo Jair Bolsonaro. É inaceitável", destaca Marques, em vídeo nas redes sociais.

O presidente da Fonacate ainda citou que a inflação já levou um terço dos salários de parte do funcionalismo federal desde o último aumento. Algumas categorias tiveram reajuste em 2017 e outras em 2019.

No governo, a tendência é de reajuste linear de 5% para todos os servidores. Nesta segunda-feira, o presidente da República, Jair Bolsonaro, disse que "está complicado" fazer a reestruturação de carreira de policiais, como ele havia prometido - fato que desencadeou toda mobilização no funcionalismo federal. "PRF, o problema não é nosso lado, são os outros servidores que não admitem a Reestruturação", afirmou Bolsonaro.

Atualmente, os servidores do Banco Central, do Tesouro Nacional e da Controladoria Geral da União (CGU) estão em greve, enquanto outras carreiras têm feito paralisações.