PUBLICIDADE
IPCA
-0,68 Jul.2022
Topo

'A dor que eu sinto é inexplicável', afirma Abilio Diniz sobre morte do filho

São Paulo

02/08/2022 15h20

O empresário Abilio Diniz publicou no perfil que mantém no Instagram, na segunda-feira, dia 1°, um texto em homenagem ao seu filho, João Paulo Diniz, que morreu no último domingo, 31, aos 58 anos, no Rio de Janeiro. "Ontem a vida me deu o golpe mais duro que eu poderia receber e eu estou completamente sem chão. A dor que eu sinto é inexplicável. Meu filho João Paulo me deixou aos 58 anos, invertendo a lei natural da vida", escreveu Abílio.

João Paulo Diniz também era empresário. Ele era fundador da Componente, empresa que tinha em seu portfólio investimentos nos setores de esporte, gastronomia, mobilidade, startups e tecnologia e imobiliário. Também atuava no conselho da Península Participações, empresa de investimentos da família Abilio Diniz, e do Instituto Península, organização social da família que trabalha com projetos relacionados a esporte e educação.

"O João era aquele cara que todo mundo gostava de ter por perto. Um atleta de respeito, que amava praticar qualquer tipo de esporte, assim como eu. Desde cedo, o esporte foi uma das nossas maiores conexões. Sempre sorridente, era um filho maravilhoso e que se tornou um dos meus melhores amigos", continua Abilio. O empresário também diz que o filho era um pai "muito amoroso" e um marido "muito companheiro".

Apaixonado por esportes, João Paulo Diniz praticava triatlo e participou de inúmeras maratonas e provas pelo mundo desde a década de 1990. Ele também foi um dos idealizadores da Maratona de Revezamento Pão de Açúcar, prova que se tornou uma das mais tradicionais corridas de rua de São Paulo. O empresário era conhecido por projetos de incentivo à prática esportiva.

Em 2004, no livro "Abilio Diniz: Caminhos e escolhas", Abilio revelou que o filho sofria de problemas cardíacos que fizeram os médicos recomendarem que ele deixasse de praticar esportes.