IPCA
0,46 Jul.2024
Topo

Haddad: vamos trabalhar para fechar rombo aberto pelo atual governo

Brasília, 21

21/12/2022 20h05

O futuro ministro da Fazenda, Fernando Haddad, repetiu que a equipe econômica que ele montar fará uma nova estimativa de receitas para 2023 nas primeiras semanas de janeiro e adiantou que tomará medidas também pelo lado da arrecadação de tributos.

"Vamos trabalhar para fechar o rombo aberto pelo atual governo, e para isso também vamos trabalhar a receita", afirmou, em entrevista no Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB), onde funciona o governo de transição. "Vamos aproveitar as PECs (110 e 45) sobre a reforma tributária que já estão na Câmara e no Senado", completou.

Haddad adiantou ainda que parte dos quase R$ 10 bilhões em emendas de relator (RP9 - conhecidas como orçamento secreto) que voltarão a ser despesas discricionárias serão destinados a programas do governo, incluindo investimentos em Educação.

O futuro ministro ainda garantiu que o programa "Desenrola" prometido pelo presidente diplomado Luiz Inácio Lula da Silva (PT) será desenhado ainda no primeiro mês de 2023, permitindo que pessoas endividadas voltem a acessar o mercado de crédito. "O crédito vai receber muita atenção, porque achamos que ele pode ser uma ferramenta para alavancar crescimento econômico", acrescentou.