IPCA
0,46 Jul.2024
Topo

BoE/Bailey: não espero que nosso balanço volte para onde estava antes da crise financeira

São Paulo

18/05/2023 07h12

O presidente do Banco da Inglaterra (BoE), Andrew Bailey, disse nesta quinta-feira, 18, não esperar que o tamanho do balanço da instituição retorne ao nível em que se encontrava antes da crise financeira.

Em testemunho no comitê especial do Tesouro, no Parlamento britânico, Bailey disse ser importante criar "espaço" no balanço, como parte do processo conhecido como "aperto quantitativo" (QT, pela sigla em inglês), durante o qual o BoE venderá ativos comprados durante períodos de turbulência econômica. Bailey afirmou também que o QT não é um instrumento ativo de aperto da política monetária.

Ao lado de Bailey, o vice-presidente para Mercados e Bancos do BoE, Dave Ramsden, disse que o QT terá algum efeito na economia britânica, mas "bem pequeno". Ramsden afirmou ainda que o QT será gradual e previsível.

Na semana passada, o BoE elevou seu juro básico em 25 pontos-base, a 4,50%, como era amplamente esperado, e sinalizou que mais aumentos poderão ocorrer em caso de pressões inflacionárias persistentes.