IPCA
0,46 Jul.2024
Topo

Grupo Saúde e Cuidados Pessoais sobe 1,49% e gera impacto de 0,20 ponto porcentual no IPCA-15

Rio

25/05/2023 10h31

Os gastos das famílias brasileiras com Saúde e Cuidados Pessoais passaram de uma elevação de 1,04% em abril para uma alta de 1,49% em maio, uma contribuição positiva de 0,20 ponto porcentual para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15) deste mês, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A taxa do IPCA-15 foi de 0,51% em maio.

A maior pressão partiu do aumento de 2,68% nos produtos farmacêuticos, após a autorização do reajuste de até 5,60% no preço dos medicamentos, a partir de 31 de março. O subgrupo deu uma contribuição de 0,09 ponto porcentual para o IPCA-15.

O plano de saúde aumentou 1,20% em maio, ainda incorporando as frações mensais dos reajustes dos planos novos e antigos para o ciclo de 2022 a 2023. O item figura no topo de maiores impactos no IPCA-15 do mês, 0,05 ponto porcentual, ao lado do leite longa vida e do tomate.

Os itens de higiene pessoal subiram 1,38% em maio, influenciados principalmente pelos perfumes (2,21%).