Retirada de sanções pelos EUA é sinal de respeito, diz porta-voz chinês

A decisão dos EUA de retirar 27 empresas chinesas de sua lista não verificada - que estabelece uma série de sanções - mostra que "ambos os países estão abordando as preocupações individuais com respeito mútuo", afirmou o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Wang Wenbin.

Em coletiva de imprensa, Wang reforçou que a China vai continuar a defender os interesses das instituições chinesas, e que seu país "saúda" a decisão tomada pelos norte-americanos na manhã desta terça-feira.

Deixe seu comentário

Só para assinantes