BC chinês vai reduzir índice de reservas cambiais estrangeiras para bancos

O Banco do Povo da China (PBoC) informou, nesta sexta-feira, 1º de setembro, que reduzirá o índice de reservas cambiais estrangeiras de 6% para 4%, aumentando a oferta de dólares no mercado chinês. A medida liberará cerca de US$ 16 bilhões em divisas atualmente mantidas no banco central chinês, de acordo com estimativas do Citigroup.

A medida é uma tentativa de impulsionar o yuan, que caiu este ano, uma vez que a economia vacilou e o banco central cortou as taxas de juro.

A redução das taxas de juro muitas vezes exerce pressão sobre a moeda de um país, uma vez que faz com que os ativos em outros lugares pareçam mais atraentes.

O yuan onshore enfraqueceu cerca de 5% em relação ao dólar este ano, e o banco central tem enfrentado dificuldades para encontrar um equilíbrio entre o estímulo à economia e o apoio à moeda.

O banco central reduziu as taxas de juros há duas semanas e, na sexta-feira, vários bancos comerciais anunciaram cortes em suas taxas de depósito. Fonte: Dow Jones Newswires

Deixe seu comentário

Só para assinantes