Senado dos EUA aprova nomeação de Philip Jefferson à vice-presidência do Fed por margem folgada

O Senado dos Estados Unidos aprovou nesta quarta-feira, 6, a nomeação de Philip Jefferson para o cargo de vice-presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano). Por 88 votos a favor e 10 contra, Jefferson ocupará a vaga aberta pela saída de Lael Brainard, que deixou a autoridade monetária para comandar o Conselho Econômico Nacional da Casa Branca.

Jefferson já atuava no Conselho do Fed desde maio do ano passado, quando assumiu a posição de diretor.

Com a renúncia de Brainard, o economista foi escolhido pelo presidente dos EUA, Joe Biden, para o posto de número 2 do banco central norte-americano.

Além dele, Biden também indicou a diretora Lisa Cook para um mandato completo de 14 anos e Adriana Kugler para a última vaga no Conselho.

A expectativa é de que a indicação das duas seja submetida à análise do plenário do Senado nos próximos dias.

Deixe seu comentário

Só para assinantes