Na China, yuan se fortalece após PBoC alertar sobre flutuações no mercado

A moeda da China, o yuan, ganhou terreno em relação ao dólar nesta segunda-feira, 11, após o banco central do país alertar que não irá tolerar flutuações excessivas no mercado. O yuan offshore, que é negociado em Hong Kong e é menos controlado, se fortaleceu mais de 0,6% ante o dólar após o PBoC, como é conhecido o BC chinês, pedir estabilidade no mercado e advertir que as autoridades "vão lidar de forma resoluta com comportamentos que perturbem a ordem do mercado".

O PBoC também estabeleceu uma taxa de referência para o yuan onshore - negociado na China continental - mais forte do que a prevista por operadores por uma margem recorde.

O alerta do PBoC teve impacto maior do que a taxa de referência, segundo Chang Wei Liang, estrategista de câmbio e crédito do DBS.

O BC chinês com frequência estabelece taxas de referência mais fortes na tentativa de influenciar o mercado.

Apesar da valorização desta segunda-feira, o yuan ainda acumula perdas de mais de 5% na comparação com o dólar neste ano.

*Com informações da Dow Jones Newswires

Deixe seu comentário

Só para assinantes