Ministério das Relações exteriores diz que economia chinesa é resiliente

A resiliência da economia chinesa, o seu amplo potencial, sua forte vitalidade e os fundamentos que sustentam o crescimento no longo prazo permanecem inalterados, afirmou a porta-voz do Ministério de Relações Exteriores da China, Mao Ning. A declaração foi feita pela representante em coletiva de imprensa , ao ser perguntada sobre falas do presidente norte-americano Joe Biden sobre uma "desaceleração" no país asiático.

Ela disse que a economia da China continuou se recuperando desde o início do ano, em meio a um ambiente complexo externo e uma recuperação da economia global em dificuldades.

Mao falou que o Produto Interno Bruto (PIB) do país cresceu 5,5% em termos anuais, "notavelmente mais rápido que os 3% do ano passado", e que o Fundo Monetário Internacional (PBI) previu avanço de 5,2% neste ano, contribuindo com um terço do crescimento global.

"Estamos confiantes e somos capazes de promover o desenvolvimento sustentado e saudável da economia. A China continuará empenhada na abertura de alto nível, no reforço da cooperação vantajosa para todos e na partilha dos dividendos do desenvolvimento com outros países. O desenvolvimento da China trará mais oportunidades aos seus vizinhos asiáticos e ao resto do mundo", respondeu ele.

Deixe seu comentário

Só para assinantes