Moody's eleva rating da Grécia, de Ba3 para Ba1, com perspectiva estável

A Moody's elevou nesta sexta-feira, 15, os rating de longo prazo em moedas local e estrangeira da Grécia de Ba3 para Ba1, com perspectiva estável. A atualização em dois níveis veio devido a uma "profunda mudança estrutural" nas finanças públicas, sistema financeiro e na economia nacional, que apoiarão uma melhora material nas métricas de crédito e na resiliência da Grécia para neutralizar choques futuros, diz a agência de classificação de risco.

A Moody's espera ainda mais progressos no país, com reformas sendo apoiadas pelo governo local e implementadas pelo parlamento, com perspectivas de que novas reformas estruturais serão aprovadas. A melhora vem após a grave crise de dívida que a Grécia enfrentou na década passada, que forçou o país a um drástico programa de austeridada fiscal..

A instituição também prevê crescimento médio anual do Produto Interno Bruto (PIB) grego em 2,2% para 2023 a 2027, em uma média muito acima do presenciado nos cinco anos pré-pandemia, de 0,8% ao ano.

Nos próximos quatro anos, o investimento público e privado no país será apoiado pelo Mecanismo de Recuperação e Resiliência (MRR) da União Europeia, e a Moody's espera que o potencial econômico da Grécia aumente ainda mais. Nesse período, a expectativa é que o déficit da balança seja reduzido gradativamente a 5-7% do PIB.