Gripe aviária: Agricultura confirma mais 2 casos em aves silvestres

O Ministério da Agricultura informou, em atualização na plataforma oficial às 19h, que dois novos focos de influenza aviária de alta patogenicidade (IAAP, vírus H5N1) em aves silvestres foram detectados no Brasil. No total, há 102 casos da doença em aves silvestres no País e três focos em produção de subsistência, de criação doméstica, somando 105.

A mais recente em criação doméstica foi confirmada pelo Ministério nesta tarde em produção de fundo de quintal de galinhas em Bonito (MS). De acordo com a pasta, há outras seis investigações em andamento, com coleta de amostra e sem resultado laboratorial conclusivo. Dos casos investigados, um é em criação doméstica em uma galinha em Lucas do Rio Verde (MT), outro em galinha em Jerônimo Monteiro (ES) e um em galinha em Castanhal (PA).

As notificações em aves silvestres e/ou de subsistência não comprometem o status do Brasil como país livre de IAAP e não trazem restrições ao comércio internacional de produtos avícolas brasileiros, conforme prevê a Organização Mundial de Saúde Animal (OMSA).