Lula diz que só ele 'coloca ou tira' presidente da Caixa, cargo desejado pelo Centrão

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta segunda-feira, 25, que só ele "coloca" ou "tira" alguém da presidência da Caixa Econômica Federal. A chefia do banco é desejada pelo Centrão e pelo presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL). O grupo pressiona para emplacar um nome de sua confiança no cargo.

"Só eu tenho o direito de colocar, só eu tenho o direito de tirar. Então, fique tranquilo que isso será feito com a maior tranquilidade", disse o presidente depois de questionado por jornalistas se haveria troca no banco. "Na hora em que eu tiver que mexer em alguma coisa, eu vou mexer", declarou ele.

"O único cargo que eu não posso mexer é no meu e no do Alckmin, que foi o povo brasileiro que deu. Mas o restante eu posso mexer em qualquer um e posso dizer que, por enquanto, não estou disposto a mexer com nada", disse o petista.

O presidente disse que nunca fica "nervoso" com a Câmara nem com o Senado, e que governar não lhe tira o sono. "Ninguém me ofereceu a Presidência da República, eu briguei para estar aqui", afirmou ele.