Bolsas da Europa sobem com perspectiva de juros estáveis nos EUA e à espera de ata do BCE

As bolsas europeias operam em alta na manhã desta quinta-feira, 12, em meio à crescente percepção de que os juros nos EUA ficarão inalterados em novembro.

Por volta das 7h50 (de Brasília), o índice pan-europeu Stoxx 600 avançava 0,83%, a 456,94 pontos.

Na quarta-feira, as chances de que o Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) mantenha seus juros nos níveis atuais em 1º de novembro aumentaram para quase 95%, ante cerca de 70% no começo da semana, após o Fed divulgar ata de sua reunião de setembro, segundo ferramenta de monitoramento do CME Group.

Também nos últimos dias, autoridades do Fed adotaram tom "dovish", sugerindo que o BC norte-americano deverá deixar os juros básicos intocados no início do mês que vem.

Logo mais, a atenção vai se voltar para a ata de política monetária do Banco Central Europeu (BCE).

No mês passado, o BCE elevou juros pela 10ª vez consecutiva, mas também sinalizou uma possível pausa no ciclo de aperto, em um momento em que a inflação na zona do euro desacelera de forma significativa.

Às 8h03 (de Brasília), a Bolsa de Londres subia 0,76%, a de Paris avançava 0,46% e a de Frankfurt se valorizava 0,59%. Já as de Milão, Madri e Lisboa tinham ganhos de 1,06%, 0,72%% e 0,04%, respectivamente.

*Com informações da Dow Jones Newswires