PUBLICIDADE
IPCA
+0,83 Mai.2021
Topo

Usiminas cai mais de 1% na véspera da divulgação de resultado do 2º trimestre

25/07/2019 14h15

A siderúrgica mineira Usiminas (SA:USIM5) divulga nesta sexta-feira, antes da abertura dos negócios, cenário que deve ser muito semelhante ao dos primeiros três meses do ano, como reflexo de um cenário desafiador em termos de demanda e maior impacto de custos. Com isso, as ações operam com queda de 1,34% a R$ 8,85.

A siderúrgica deve registrar no fechamento do segundo trimestre um lucro líquido por ação de R$ 0,13, acima do prejuízo de R$ 0,02 apurados entre abril e junho de 2019, quando havia uma expectativa de -R$ 0,03 por papel. Já na abertura do ano, o resultado foi de R$ 0,04, abaixo dos R$ 0,05 estimados.

Nas receitas, o mercado trabalha com estimativa de R$ 3,76 bilhões na Usiminas, ficando acima dos R$ 3,2 bilhões do mesmo trimestre de 2018, quando eram esperados R$ 3,28 bilhões. Já entre janeiro e março, as entradas no caixa da companhia foram de R$ 3,53 bilhões, abaixo dos R$ 3,53 bilhões que eram esperados.

A aposta do BB-BI é de lucro líquido de R$ 127 milhões, contra R$ 76 milhões dos três primeiros meses do ano e de R$ 157 milhões do mesmo período de 2018. Os números representam alta de 66,2% na base trimestral e queda de 19,3% na anual. O Ebitda do período deve ficar em R$ 505 milhões, alta de 3,5% no trimestre e queda de 21,2% no ano.

O rating para as ações é market perform, com preço-alvo de R$ 10,50, representando um upside de 10%.