IPCA
0,1 Out.2019
Topo

Ações - Rali dos futuros dos EUA; Lucros otimistas da Lyft colocam a Uber em foco

08/08/2019 13h54

Os futuros dos EUA estavam mais altos depois do recuo do breve sentimento de pânico em relação ao crescimento global na quarta-feira. Além disso, os investidores também foram recepcionados por lucros melhores do que o esperado, como no caso do balanço da Lyft (NASDAQ:LYFT).

A LYFT (NASDAQ:LYFT) subia 6% no pregão de pré-mercado, depois de reportar um salto de 72% na receita e uma perda menor do que a esperada após o fechamento na quarta-feira. A empresa disse que os ganhos foram alimentados por motoristas mais ativos. A companhia também disse que espera que seu serviço de passeio seja lucrativo no futuro, mas não deu um prazo.

A rival Uber Technologies (NYSE:UBER) saltava 4,7% e deve divulgar seus lucros após o fechamento, com analistas prevendo uma perda de US$ 2,10 sobre a receita de US$ 3,31 bilhões.

Ambas as ações ainda estão sendo negociadas mais de 10% abaixo de onde seus IPOs foram precificados no início deste ano.

O Nasdaq 100 futures subia 35 pontos ou 0,5% às 7h40, enquanto o Dow futures subia 44 pontos ou 0,2% e o S&P 500 futuros ganhou 7 pontos ou 0,3%.

As preocupações relacionadas ao comércio diminuíram um pouco depois que dados chineses melhores do que o esperado acalmaram investidores, desafiando a crescente pressão das tarifas norte-americanas. As exportações chinesas subiram 3,3% em julho, enquanto as importações caíram 5,6% no ano, abaixo do esperado. Os dados ajudaram a diminuir as preocupações sobre uma guerra cambial depois que a China deixou seu iuan cair para o menor nível em mais de uma década.

Em outros lugares, a Netflix (NASDAQ:NFLX) subia 0,8% após a notícia de que ganhou uma guerra de lances para fechar um acordo com os criadores de Game of Thrones, David Benioff e Dan Weiss. A Walt Disney (NYSE:DIS) subia 1,1%, enquanto a Tesla (NASDAQ:TSLA) ganhava 0,4%.

Na frente de lucros, a Kraft Heinz (NASDAQ:KHC) e a Viacom (NASDAQ:VIA) reportam seus resultados antes da abertura, enquanto a Dropbox (NASDAQ:DBX), e a News Corp (NASDAQ:NWSA) apresentam seus resultados após o fechamento do mercado.

As solicitações de seguro-desemprego serão publicadas às 9h30 e os números do comércio do atacado, às 11h00.

Em commodities, o petróleo bruto subia 2,1%, para US$ 52,17 por barril, após cair quase 5% na sessão anterior. Os futuros do ouro caíam de um pico de seis anos, em uma baixa de 0,7%, para US$ 1.508,65 por onça-troy, enquanto a índice dólar, que mede a força da moeda norte-americana em comparação com uma cesta das seis principais divisas, ficou estável em 97,365.

Economia