PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Copel cai quase 2% após ver lucro recuar para R$ 346,8 milhões no 2º tri

15/08/2019 16h46

Na noite de ontem, a Copel (SA:CPLE6)reportou que encerrou o segundo trimestre de 2019 com lucro líquido de R$ 346,8 milhões, uma queda de 2,4% na comparação com os R$ 355,3 milhões de um ano antes. No acumulado do semestre, o avanço é de 19,9%, para R$ 852,9 milhões. As ações operam em queda de 1,33% a R$ 48,84.

Entre abril e junho, a receita da companhia totalizou R$ 3,665 bilhões, 1,7% a mais do que no mesmo período de 2018, quando foi de R$ 3,605. Já no acumulado do ano, os números são de R$ 7,561 bilhões, crescimento anual de 8,7%.

Desta forma, o Ebitda da companhia foi de R$ 947 milhões, avanço de 13,3% ante os R$ 836 milhões de um ano atrás. Já em seis meses, o resultado acumulado é 25,9 maior, de R$ 2,039 bilhões. Com isso, a margem recuou de 25,8% para 23,2% em 12 meses.

Na visão da Coinvalores, os números da Copel (SA:CPLE6) mostraram avanços, com a geração e transmissão sendo favorecidas pela entrada em operação de novos empreendimentos e queda nos custos com compra de energia.

Já o segmento de distribuição melhorou com o reajuste de tarifas e melhora na gestão despesas operacionais. Assim, no consolidado o EBITDA subiu 13% em um ano. Excluindo itens não recorrentes a alta seria de 30% no período, com ganho de 6 p.p. na margem