PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Yduqs avança mais de 2% com negociação exclusiva para compra de dona da Ibmec

15/10/2019 14h19

As ações da Yduqs (SA:YDUQ3) operam com importante valorização na tarde desta terça-feira na bolsa paulista depois da divulgação da notícia de que a companhia está em negociação exclusiva para a compra dos ativos detidos pela Adtalem Global Education no Brasil, que incluiria a escola de negócios Ibmec, com valor estimado de cerca de R$ 2 bilhões.

Com isso, por volta de 14h15, as ações da Yduqs avançavam 2,10% a R$ 37,98, enquanto que, em Nova York, a Adtalem tem ganhos de 1,95% a US$ 36,54.

A Adtalem, dona de 13 instituições de ensino, como Ibmec e Damásio, pretende vender a operação brasileira. Desde o ano passado, há uma pressão por parte de investidores estrangeiros, que questionam a viabilidade do negócio no Brasil, segundo fontes do setor. O pano de fundo, dizem, é a crise que obrigou o grupo americano a fechar um acordo de indenização de US$ 100 milhões nos EUA e se desfazer da DeVry, sua principal instituição de ensino, sem receber nada em troca.

Em agosto, a Reuters havia informado que a operação brasileira da Adtalem era avaliada em pelo menos R$ 2 bilhões (US$ 505 milhões) e o banco Morgan Stanley (NYSE:MS) estaria sendo contratado para encontrar um comprador. Na época, foi informado que prioridade era vender a operação toda e não fatiada por instituição de ensino.

Na oportunidade, analistas do banco BMO Capital Market destacaram que o valor de US$ 505 milhões representa um prêmio considerável, equivalente a 15 vezes o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado do ano fiscal de 2019, encerrado em junho.

No Brasil, a Adtalem tem 110 mil alunos e receita líquida de R$ 900 milhões. A operação é a mais importante do grupo.

Com Reuters