PUBLICIDADE
IPCA
1,16 Set.2021
Topo

Moedas - Iene em alta com aversão ao risco, libra permanece mais alta do que dólar após dados do PIB do Reino Unido

11/11/2019 08h32

A moeda porto-seguro iene ganhava terreno nesta segunda-feira e o dólar caía contra o euro, com a nova agitação em Hong Kong e sinais mistos sobre a reversão de tarifas entre EUA e China, atenuando o sentimento de risco.

O presidente dos EUA, Donald Trump, declarou na sexta-feira que não concordou em reverter as tarifas norte-americanas solicitadas pela China, contradizendo reportagens anteriores de autoridades de ambos os países que confirmaram as reversões.

Além das incertezas, Trump disse no final de semana que as negociações com a China estavam avançando "muito bem", mas os EUA só fariam um acordo se esse fosse o negócio vantajoso para os EUA.

O dólar estava marginalmente mais fraco em relação ao euro e ao iene japonês, refletindo certa cautela dos investidores de que o acordo ainda pode ser resolvido.

O dólar estava em 1,1032 por euro às 06h38 (horário de Brasília) e aos 108,98 ienes.

A moeda japonesa também foi sustentada por informações de que a polícia de Hong Kong abriu fogo e atingiu pelo menos um manifestante, uma nova escalada de violência quando manifestações antigovernamentais entram no sexto mês.

O índice do dólar que mede a força da moeda americana em relação a uma cesta das seis principais moedas caía para 98,11, recuando da alta de três semanas e meia de 98,40 registrada no final da sexta-feira.

A libra britânica permanecia mais alta em relação ao dólar norte-americano depois de dados que mostraram que o Reino Unido evitou uma recessão no terceiro trimestre, com a economia crescendo 0,3% após uma contração de 0,2% no segundo trimestre.

Mas a economia contraiu 0,1% em setembro e o crescimento anual foi de apenas 1,0% nos três meses a setembro, a taxa mais baixa desde o primeiro trimestre de 2010.

— Reuters contribuiu com esta notícia

PUBLICIDADE