Bolsas

Câmbio

Inovação e economia compartilhada são soluções para futuro do meio ambiente, afirmam especialistas durante Seminário LIDE Sustentabilidade

Seminário LIDE

Os dados abaixo são de responsabilidade das empresas envolvidas e não são produto jornalístico do UOL

SÃO PAULO, 30 de junho de 2016 /PRNewswire/ -- As soluções e alternativas para superação da crise nas cidades foi o principal tema debatido no Seminário LIDE Sustentabilidade, ocorrido nesta quarta-feira (29), no Auditório da Gocil, em São Paulo. Organizado pelo LIDE – Grupo de Líderes Empresariais, o evento reuniu empresários, autoridades e especialistas em meio ambiente. Dal Marcondes, jornalista, diretor-presidente do Instituto Envolverde, comandou os debates, ao lado de Gustavo Ene, CEO do LIDE, e de Roberto Klabin, presidente do LIDE Sustentabilidade e da Fundação SOS Pantanal.

 

 

"A economia sustentável é uma oportunidade de se suprir as necessidades de muito mais pessoas", explicou Dal Marcondes. Para ele, só agora os cidadãos estão compreendendo que a tecnologia e a inovação têm o poder de melhorar o potencial ocioso de recursos e ferramentas, de um jeito que não era possível antes. O empresário citou o Uber como o grande expoente desse modelo colaborativo, que aposta fortemente no serviço de compartilhamento. "O foco é caminhar para a incorporação de valores relacionados à preservação ambiental e à inclusão social", destacou.

O diretor-presidente do Instituto Envolverde disse que, ao contrário do que muitos imaginam, a economia sustentável e compartilhada traz grandes oportunidades. "Será uma economia com mais reflexão sobre os objetivos dos produtos e serviços. A economia de energia e água já é parte dos processos de produção da humanidade desde o início da revolução industrial", analisou. "Um exemplo são os carros fabricados atualmente. Hoje, eles são menores, melhores, mais seguros do que na década de 50. O mundo vive uma transição para um modelo de maior eficiência", disse.

Segundo Marcondes, a tendência é a inclusão da redução das desigualdades nas atividades produtivas e uma maior preocupação de como a humanidade vai enfrentar os problemas ambientais. Para ele, a contribuição da economia verde como solução da crise nas cidades é vista como um grande avanço. "A crise ambiental do século 21 alerta sobre a escassez dos recursos naturais, inconciliável com o atual padrão de vida. No mundo, o Brasil tem a quarta maior população urbana. Estamos atrasados em investimentos. Precisamos pensar em como iremos enfrentar esse crescimento", comentou.

Grandes marcas participam dos debates deste encontro. Esta edição do Seminário LIDE Sustentabilidade tem copatrocínio da EMS, TETRAPAK e WHIRLPOOL, com apoio da GOCIL. Como fornecedores oficiais, CDN COMUNICAÇÃO, CORPORATE IMAGE, ECCAPLAN e TALENT. As rádios BAND e BAND NEWS, PR NEWSWIRE, revista LIDE SUSTENTABILIDADE e TV LIDE são mídia partners.

Contato:

Cristiane Felix

cristiane.felix@cdn.com.br  

(11) 3643 2753

(Foto: http://www2.prnewswire.com.br/imgs/pub/2016-06-30/original/3156.jpg )

FONTE Seminário LIDE

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos