Bolsas

Câmbio

Crystal Lagoons conclui projetos de US$ 12,5 bilhões na América Latina

Crystal Lagoons

Os dados abaixo são de responsabilidade das empresas envolvidas e não são produto jornalístico do UOL

SANTIAGO, Chile, 8 de novembro de 2016 /PRNewswire/ -- Com uma carteira de 87 projetos em distintas etapas de desenvolvimento e um investimento associado de US$ 12,5 bilhões, a América Latina se transformou em um dos mercados mais importantes para a Crystal Lagoons, multinacional de tecnologia e inovação associada a lagoas cristalinas, que estão revolucionando o mercado mundial em âmbito imobiliário, urbano, público e industrial. A tecnologia desenvolvida pela firma permite a construção e manutenção de lagoas cristalinas sustentáveis, de tamanhos ilimitados, a baixo custo.

Seu êxito mais recente é sua incursão na Colômbia com 14 projetos novos, a serem desenvolvidos em apenas um ano, com um investimento associado de US$ 1,4 bilhão em cidades do interior, como Cali, Medellín, Barranquilla e Armênia, entre outras, e em áreas turísticas conhecidas, como Cartagena de Indias e Santa Marta.

Na região, a multinacional também está presente no Chile (28 projetos), Colômbia (15), México (11), Argentina (11), Peru (5), Brasil, Uruguai, Paraguai, Costa Rica, Bolívia, Equador, Guatemala, Panamá e República Dominicana.

A tecnologia da Crystal Lagoons revolucionou capitais latino-americanas, como Buenos Aires, Cidade do México e Santiago; cidades mediterrâneas na Bolívia e no Paraguai, ícones turísticos como Cancún e Punta del Este; o Amazonas brasileiro e o deserto mais árido do mundo em Antofagasta, Chile, onde a Crystal Lagoons mudou o estilo de vida das pessoas.

"Essa tecnologia, patenteada em 160 países e que se impôs como a "World's Top Amenity", vem permitindo desenvolver projetos bem-sucedidos, reabilitando terrenos que não tinham potencial imobiliário ou criando uma segunda linha de costa", explica o diretor global de Negócios da Crystal Lagoons, Cristóbal Baixas.

As lagoas cristalinas atravessam segmentos socioeconômicos e localizações geográficas. Há projetos de alto luxo, como o resort mexicano Diamante Cabo San Lucas, e de classe média, como o Laguna Norte, no Chile. Em nível urbano, a empresa alcançou grande êxito imobiliário em Buenos Aires e também criou vida de praia em áreas do interior dos países, como em Mato Grosso, no Brasil, e na serra boliviana, em Santa Cruz.

As lagoas cristalinas são sustentáveis, pois podem usar todo tipo de água (doce, salgada ou salobra), funcionam em circuito fechado e só necessitam de água para compensar a evaporação. Consomem aproximadamente a metade da água de um parque e até 30 vezes menos que um campo de golfe. Empregam 100 vezes menos produtos químicos que os sistemas tradicionais de desinfecção e só 2% da energia de tecnologias de filtragem.

Foto - http://www2.prnewswire.com.br/imgs/pub/2016-11-04/original/3346.jpg  

Foto - http://www2.prnewswire.com.br/imgs/pub/2016-11-04/original/3347.jpg  

To view the original version on PR Newswire, visit: http://www.prnewswire.com/news-releases/crystal-lagoons-conclui-projetos-de-us-125-bilhoes-na-america-latina-300358559.html

FONTE Crystal Lagoons

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos